O Doclisboa pretende questionar o presente do cinema, em diálogo com o seu passado e assumindo o cinema como um modo de liberdade. Recusando a categorização da prática fílmica, procuram-se as novas problemáticas presentes na imagem cinematográfica, nas suas múltiplas formas de implicação no contemporâneo. O Doclisboa tenta ser um lugar de imaginação da realidade através de novos modos de percepção, reflexão, novas formas possíveis de acção.
doclisboa
Ao utilizar este website está a concordar com a utilização de cookies de acordo com o nossa política de privacidade.
02–08-18

NAVEGAR NO CINEMA DO EUFRATES

rio Eufrates tem 2.760 quilómetros de extensão e as suas margens vão da Arménia à Turquia, Síria, Iraque e Golfo Pérsico. Uma zona tão antiga como a própria história, cenário da origem do mundo, devastada por múltiplas guerras nos últimos 20 anos. O seu cinema é  feito de paisagens que já não são as mesmas mas que nos filmes existem para sempre.

Paisagens que compõem o foco temático do Doclisboa’18, entre 18 e 28 de Outubro, com uma programação que abraça uma multiplicidade de nacionalidades, realizadores e linguagens cinematográficas (e onde se inclui “Yol” de Şerif Gören e Yılmaz Güney, na imagem). “Navegar o Eufrates, Viajar no Tempo do Mundo“, mais do que uma viagem ao passado, dá-nos uma chave para a compreensão da actualidade.

Newsletter

Doclisboa
Casa do Cinema
Rua da Rosa, 277 - 2º
1200-385 Lisboa
+351 914 570 001
+351 913 672 710
doclisboa@doclisboa.org