O Doclisboa pretende questionar o presente do cinema, em diálogo com o seu passado e assumindo o cinema como um modo de liberdade. Recusando a categorização da prática fílmica, procuram-se as novas problemáticas presentes na imagem cinematográfica, nas suas múltiplas formas de implicação no contemporâneo. O Doclisboa tenta ser um lugar de imaginação da realidade através de novos modos de percepção, reflexão, novas formas possíveis de acção.
doclisboa
Ao utilizar este website está a concordar com a utilização de cookies de acordo com o nossa política de privacidade.
29–01-18

Doclisboa em Montemor-o-Novo

O Doclisboa organiza, pela primeira vez, uma extensão em colaboração com o Município de Montemor-o-Novo.

Durante o mês de Fevereiro, no Salão Nobre do Cineteatro Curvo Semedo, serão exibidos 7 filmes programados na última edição do festival. As 2 sessões estão previstas para os dias 8 e 15 de Fevereiro, às 21h30, e inserem-se no plano de actividades do Cineclube de Montemor-o-Novo.

 

Eis a programação desta extensão:

8 Fevereiro
Why is Difficult to make Films in Kurdistan / Ebrû Avci / Turquia / 26′ / 2017
John 746 / Ana Vîjdea / Roménia, Portugal, EUA / 34′ / 2017
Vira Chudnenko / Inês Oliveira / Portugal / 31’ / 2017

15 Fevereiro
Medronho Todos os Dias / Sílvia Coelho, Paulo Raposo / Portugal / 53′ / 2017
Norley and Norlen / Flávio Ferreira / Cuba, Portugal, Espanha / 8′ / 2017
Quando o Dia acaba / Pedro Gonçalves / Portugal / 15′ / 2017
Jacarépaguá / Maria Ganem / Portugal / 6′ / 2017

Newsletter

Doclisboa
Casa do Cinema
Rua da Rosa, 277 - 2º
1200-385 Lisboa
+351 914 570 001
+351 913 672 710
doclisboa@doclisboa.org